Foto: Chape Campeã Catarinense. Confira as demais fotos dos campeões estaduais.

Confira os principais campeões estaduais de 2017.

A Rádio Piratuba FM destaca os principais campeões estaduais de 2017.

FLAMENGO 2 X 1 FLUMINENSE – FLAMENGO CAMPEÃO CARIOCA!!!
Depois de três anos, o Flamengo é novamente campeão carioca. O Rubro-Negro venceu o Fluminense por 2 a 1, de virada, neste domingo, no Maracanã, e chegou ao seu 34º título estadual. E de forma invicta. A equipe tinha a vantagem, já que havia vencido o primeiro jogo por 1 a 0, no último fim de semana. O Tricolor abriu o placar logo aos três minutos de jogo com Henrique Dourado, mas, aos 39 do segundo tempo, Gerrero fez o gol que garantiria a taça. Já com o Flu com um a menos, Rodinei marcou o gol do título aos 50 minutos. O último encontro da dupla Fla-Flu em uma final havia sido em 1995, há 22 anos, quando o Tricolor ficou com o título depois de vencer por 3 a 2, com o famoso gol de barriga marcado por Renato Gaúcho.

ATLÉTICO-MG 2 X 1 CRUZEIRO – ATLÉTICO CAMPEÃO MINEIRO!!!
Quarenta e quatro vezes Atlético-MG! Em tarde de muita festa e em um jogo franco, com direito a recorde de público no Independência, o Atlético-MG venceu o Cruzeiro por 2 a 1 e comemorou mais um título de Campeonato Mineiro na sua história, ampliando a vantagem que tem em número de títulos no estado de Minas Gerais. Robinho, no primeiro tempo, abriu o placar para os donos da casa. Na segunda etapa, Ábila, com um voleio na grande área, empatou. No entanto, Elias fez o segundo e sacramentou mais uma taça para a sede de Lourdes. Além do título, o Galo derruba também um tabu de não vencer o Cruzeiro há dois anos. No Horto, podia até empatar, mas o título veio com vitória! O Técnico Roger Machado conquista seu primeiro título.

CORITIBA 0 X 0 ATLÉTICO-PR – CORITIBA CAMPEÃO PARANAENSE!!!
Com um placar de 3 a 0 no primeiro jogo, o Coritiba entrou no Couto Pereira com a mão na taça e também uma orientação bem clara de evitar que o Atlético-PR tivesse alguma esperança. Bem fechado, organizado e com Kleber e Anderson aproveitando chances na frente, o Alviverde segurou o jogo todo até o grito de "é campeão" estourar nas arquibancadas e dentro do gramado. Depois de três anos sem levantar a taça - perdendo duas finais -, o torcedor alviverde comemora o 38º título.

VITÓRIA 0 X 0 BAHIA – VITÓRIA CAMPEÃO BAIANO!!!
Desde o primeiro minuto, clima de decisão, de disputa, rivalidade. Das mais sadias, é verdade, sem confusão, sem discussão, sem bate-boca. Foi assim o jogo que decidiu o Campeonato Baiano, neste domingo, no Barradão. Em campo, Vitória e Bahia disputaram cada lance como se valesse a vida – e, de certa forma, valia. Numa partida equilibrada, as equipes abusaram das chances perdidas, que levaram a um 0 a 0 no placar. O resultado foi o suficiente para o Rubro-Negro, dono da melhor campanha da primeira fase, conquistar o título baiano de 2017. O título baiano do Vitória veio com um time imbatível. O Rubro-Negro fez uma campanha irretocável: 100% de aproveitamento na primeira fase; nas semi, um empate e um triunfo, resultados que se repetiram na final. Ao fim do estadual, um título conquistado sem uma derrota para manchar a caminhada rumo ao lugar mais alto do pódio.

CORINTHIANS 1 X 1 PONTE PRETA – CORINTHIANS CAMPEÃO PAULISTA!!!
Em mais uma reedição da final do Campeonato Paulista de 1977, a festa foi da torcida corintiana mais uma vez. Se Basílio brilhou 40 anos atrás quando marcou o gol que tirou o Timão da fila, coube a Romero ser o herói da Fiel em 2017: foi ele quem abriu o placar em Itaquera, no empate em 1 a 1 com a Ponte Preta, neste domingo, e que confirmou o 28º título estadual do Corinthians.
Artilheiro da Arena, agora com 18 gols, o paraguaio era um dos candidatos a herói do dia antes mesmo de abrir o placar. Na arquibancada, torcedores "previam" uma tarde histórica para o paraguaio com cartazes ("não vi Basílio, mas vi Romero). E foi aos 17 minutos, após um bom passe de Jadson, que o "Pé de Ángel" se eternizou na história do clube e viu um time desacreditado se transformar em uma equipe campeã. A enorme vantagem construída no jogo de ida na semana passada, em Campinas - vitória do Timão por 3 a 0 -, deixou os donos da casa em situação bem tranquila. Sem pressa e com a arena lotada no jogo número 100 do estádio alvinegro, o Corinthians viu seu eficiente sistema defensivo conter os avanços de uma Ponte Preta marcada pelo desânimo e pouca esperança de reação.

NOVO HAMBURGO 1(3) X 1(1) INTERNACIONAL – NOIA CAMPEÃO GAÚCHO!!!
O Rio Grande é azul. Mas azul anil. Anilado. O Novo Hamburgo é dono da melhor campanha. O Novo Hamburgo liderou o Gauchão de ponta a ponta. O Novo Hamburgo quebrou até a hegemonia colorada de seis anos para faturar o título do Gauchão pela primeira vez em sua história. E até mesmo o desfecho faz jus à epopeia: triunfo nos pênaltis por 3 a 1, após um empate em 1 a 1 no tempo regulamentar.
O Novo Hamburgo é campeão pela primeira vez em mais de 100 anos. E o enredo é digno de fábula. Um prato cheio aos românticos do futebol. Aliás. É digno de ficar eternizado, gravado bem nítido na história do Campeonato Gaúcho. Daqui a 30, 40 anos, o guri que frequentar o Estádio do Vale, ou qualquer que seja o palco anilado, ouvirá de seu pai sobre os guerreiros Matheus, Jardel, Preto e companhia. Ouvirá sobre o Novo Hamburgo que "quebrou o sistema" e "mudou as capas dos jornais", como disse o centroavante João Paulo. Para ficar na história.

CHAPECOENSE 0 X 1 AVAÍ – CHAPECOENSE CAMPEÃ CATARINENSE!!!
Reconstrução rima com campeão. Foi sofrido, catimbado, nervoso até o apito final, mas a Chapecoense confirmou neste domingo o título do Campeonato Catarinense. Melhor em todos os quesitos na competição, o Verdão fez valer a vantagem e ficou com o troféu mesmo com a derrota por 1 a 0 para o Avaí, neste domingo, na Arena Condá. Leandro Silva marcou o gol do time de Florianópolis. Foram necessários menos de seis meses para a Chape se reinventar e conquistar o primeiro bicampeonato de sua história. Passado e presente unidos no título de campeões do estado. O torcedor da Chape lotou e por pouco não estabeleceu um novo recorde para Arena Condá. Com 19.141 presentes, o público ficou a 34 da marca histórica, atingida em duelo com o Grêmio, pelo Brasileirão de 2014.

GOIÁS 1 X 0 VILA NOVA – GOIÁS CAMPEÃO GOIANO!!!
Nada de administrar vantagem. Mesmo com o 3 a 0 do duelo de ida, o Goiás não quis saber de jogar com o regulamento e voltou a vencer o Vila Nova, desta vez por 1 a 0. Jean Carlos fez o único gol da partida, e o Alviverde bateu o Tigre por 4 a 0 no placar agregado. Campeão em 2015 e 2016, o clube esmeraldino fatura o tricampeonato diante de seu maior rival e fatura a 27ª taça estadual de sua história!

Fonte: Rádio Piratuba FM - 12 Anos
Por L. A.

Fotos

Outras Notícias

De virada e nos acréscimos, Chapecoense vence o Zulia

Uma virada incrível. Até os 44 minutos do segundo tempo, a Chapecoense perdia para o Zulia na Arena Condá, na noite d...

Piratuba fica em 4º no Bolão masculino no estadual do Jasti 2017

O município de Piratuba participou de 17 a 21 de maio dos Jogos Abertos da Terceira Idade – Jasti. Estiveram particip...

Com grande atuação de Luan, Grêmio vence o Atlético-PR e assume liderança do Brasileirão

Atacante marcou um belo gol na vitória por 2 a 0 O Grêmio é líder e 100% no Brasileirão. Com a vitória sobre o At...

Mancini disse que só pensa em vencer o Zúlia e classificar dentro de campo

Enquanto a Chapecoense não se manifesta oficialmente sobre a questão envolvendo o zagueiro Luiz Otávio, que atuou sus...