Projeto que inclui advertência nas faturas de água sobre propagação da dengue será votado em Plenário

A comissão de Saúde da Assembleia Legislativa aprovou o Projeto de Lei do deputado Neodi Saretta, que obriga as empresas concessionárias de água e saneamento, que operam no estado, a incluírem em suas faturas a advertência sobre os riscos da água parada quanto à propagação do mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya. O objetivo é garantir o direito constitucional à saúde e prevenir a propagação do mosquito aedes aegypti. "Tão importante quanto conhecer sintomas, tratamentos e sequelas da dengue, chikungunya e do zika vírus é a prevenção contra estas doenças transmitidas pelo mosquito", aponta Saretta, que é presidente da Comissão de Saúde. O projeto segue agora para votação em Plenário.

Por: Susana Rigo
Assessoria de Imprensa do deputado Neodi Saretta

Outras Notícias

Blocos de NFP devem ser retirados na Secretaria de Agricultura

Desde a última quarta-feira, 17, a retirada de blocos de Nota Fiscal do Produtor Rural passou a ser feita pela Secret...

Governo do Estado reduz ICMS para produtores catarinenses de suínos, erva-mate e alho

O Governo do Estado mantém a redução do ICMS para a venda de suínos vivos originários de Santa Catarina. A medida já ...

‘Tudo que a professora pede eu faço cantando’, diz Luis Henrique, do The Voice Kids

Embora tenha se preparado muito para a audição às cegas, Luiz Henrique Schultz, de 15 anos, ainda está se acostumando...

Kerb dos Idosos lota o Centro de Eventos de Piratuba

A 104ª edição do Kerb de Piratuba segue com sucesso de público. O Centro de Eventos da cidade esteve lotado nesta ter...