Feriado não teve óbitos e registrou 83% menos salvamentos no Litoral

O Litoral Norte do Rio Grande do Sul teve uma expressiva redução nos salvamentos durante o feriado de Carnaval em 2018. Não ocorreu nenhum óbito, contra seis no ano passado e os resgates no mar caíram de 342 para 56.

Subcomandante-geral dos Bombeiros, Evaldo Rodrigues de Oliveira Junior definiu a estatística como um "marco histórico" das operações da corporação. Para ele, a queda nas ocorrências teve influência direta da operação Carnaval Seguro nas Praias e outras iniciativas no verão. Foram mais de 162 mil ações preventivas desde o começo dos trabalhos.

As condições do tempo também podem ter reduzido os incidentes. Fevereiro de 2017 teve calor intenso, com algumas marcas recordes, inclusive com muito calor no Carnaval, aumentando a quantidade de pessoas no mar. Já neste ano, as marcas foram mais amenas, com máximas ao redor dos 24°C e 25°C.

CORREIO DO POVO
A.M

Outras Notícias

Quantos dias o pai pode ficar sem trabalhar após o nascimento do filho?

A licença-paternidade é um direito garantido na Constituição Federal e será de cinco dias. Caracteriza-se pela autori...

Metade dos professores no Brasil não recomenda a própria profissão

No Brasil, metade dos professores não recomendaria a um jovem se tornar educador, por considerar a profissão desvalor...

Maior eclipse do século é visto em diferentes capitais do Brasil

No Brasil, a Lua demorou para aparecer. Por volta das 18h, quando o céu ficou mais escuro por aqui, os primeiros regi...

As 9 multas que suspendem sua CNH imediatamente

Na semana passada, o Detran aumentou a punição para condutores que estourarem 20 pontos em multas de trânsito na CNH....