Maicon marcou o primeiro gol do Grêmio (Foto: Tiago Caldas/Agência Estado)

Série A: Jogos de Domingo

América Mineiro 3 x 1 Atlético Paranaense

Jogando em casa, o América-MG voltou a vencer no Campeonato Brasileiro após duas partidas sem vitória. Sobrou para o Furacão, que vinha de um triunfo contra o Santos, mas acabou perdendo no Independência por 3 a 1, de virada. Thiago Carteto, ex-América-MG, abriu o placar para o Furacão, mas Serginho (duas vezes) e Ademir, viraram a partida no Horto.

Os primeiros 45 minutos do duelo no Independência demoraram a esquentar, apesar da tarde de sol em Belo Horizonte. O América-MG teve mais chances de abrir o placar, mas quem acabou marcando primeiro foi o Atlético-PR, com Thiago Carleto, que soltou a bomba em cobrança de falta e fez 1 a 0, aos 37 minutos. No entanto, aos 39, Serginho aproveitou passe de Judivan e deixou tudo igual.

Jogando em casa, onde conquistou a maior parte dos seus pontos, o América-MG buscou a vitória e foi para cima. Thiago Heleno mandou uma bola na trave, mas foi a melhor chance do Furacão. Aos 30 minutos, Serginho aproveitou sobra de bola na área e fez o segundo do Coelho. Já na reta final, Ademir, que saiu do banco de reservas, fez o terceiro e deu números finais ao jogo.

Bahia 0 x 2 Grêmio

O Grêmio não tomou conhecimento da fama de bom mandante do Bahia, fez 2 a 0 na Fonte Nova e impôs ao adversário a primeira derrota em Salvador neste Campeonato Brasileiro. Os gols foram marcados por Maicon, que aproveitou rebote da cobrança de pênalti que ele mesmo havia desperdiçado, e Thaciano, em rápido contra-ataque puxado por Everton.

O Grêmio demorou apenas nove minutos para abrir o placar com Maicon, que perdeu um pênalti, mas aproveitou o rebote do goleiro Douglas. O gol premiou o bom início de jogo dos gaúchos, que jogavam fácil, fácil. O Bahia equilibrou as ações e tentou imprimir sua velocidade habitual, porém quase não assustou Marcelo Grohe. A equipe de Renato Gaúcho, por sua vez, procurou cadenciar o jogo valorizando a posse de bola e desperdiçou bons ataques, o último deles uma finalização de Thonny Anderson que parou nas mãos de Douglas.

O Bahia partiu com tudo para o ataque na etapa final. Na base da imposição física, a equipe levou a melhor na maioria das divididas e empurrou o adversário para o campo defesa, porém sem conseguir produzir chances claras de gol diante de um adversário eficiente na marcação. O Grêmio passou os 45 minutos finais à espera de um contra-ataque. Ele veio já nos acréscimos, e coube a Thaciano a responsabilidade de fechar o placar.

Flamengo 1 x 0 Corinthians

O Flamengo venceu o Corinthians por 1 a 0 na tarde deste domingo, no Maracanã, e disparou na liderança do Campeonato Brasileiro. O único gol do jogo foi marcado por Felipe Vizeu, aos 34 minutos do segundo tempo.

Passados 50 minutos do segundo tempo, o Corinthians bateu um escanteio na área do Flamengo. Depois de uma bate-rebate, Rodinei tentou afastar a bola. Neste momento, o árbitro gaúcho Anderson Daronco, que tinha dado cinco minutos de acréscimo, apitou o fim da partida. Só que a bola sobrou para Roger, com condições de finalizar contra Diego Alves. Enquanto os jogadores rubro-negros comemoravam a vitória, os alvinegros foram reclamar inutilmente com o juiz.

Santos 5 x 2 Vitória

Rodrygo não deixou pedra sobre pedra na defesa do Vitória, acabou com o jogo na Vila Belmiro e comandou a goleada de 5 a 2, na tarde deste domingo, pelo Brasileirão. O garoto fez três gols, todos no primeiro tempo, deu uma assistência e foi o protagonista do triunfo, que tira o Peixe da zona de rebaixamento (substituído justamente pelo Vitória) e ameniza a crise em semana de fortes protestos da torcida. O Leão, apático, foi totalmente envolvido pelo adversário e deu novos sinais de que é forte candidato à Série B.

No jogo de maior pressão, na semana de maior tensão, um garoto de 17 anos acalmou a Vila Belmiro. Os três primeiros gols da partida foram de Rodrygo. E de tudo que é jeito: oportunista, aproveitando rebote; de talento, deixando o lateral-direito Lucas perdido com um drible; feito centroavante, aproveitando linda assistência de Gabigol e tirando do goleiro. E ainda teve tempo de deixar Gabriel na cara do gol para fazer o quinto.

A atuação do Vitória foi assustadora para a torcida rubro-negra, sobretudo no primeiro tempo. O time baiano permitiu que o Santos trocasse passes sem problemas, cedeu espaços para infiltrações, foi passivo em divididas e esteve inoperante no ataque. Não por acaso, o técnico Vagner Mancini fez as três substituições já no intervalo. Imagina a bronca no vestiário...

Ceará 0 x 1 Cruzeiro

Após iniciar o Brasileiro de maneira irregular, figurando entre os últimos colocados, o Cruzeiro mostrou que está embalado na competição. Diante do Ceará, venceu por 1 a 0, no Castelão, e emplacou a terceira vitória seguida no Campeonato Brasileiro, o que o fez alcançar a vice-liderança da competição com 16 pontos, quatro a menos que o líder Flamengo. Entretanto, pode perder o segundo lugar se o Fluminense (14 pontos) vencer o Paraná, fora, nesta segunda. O gol foi de Sassá, o primeiro dele na competição. Já o Vovô segue em má fase e caiu para a última colocação, ainda sem vencer e com três pontos ganhos.

Na segunda etapa, o Ceará tentou ir para cima do Cruzeiro e até teve mais volume de jogo, chegando a levar perigo ao gol de Fábio, principalmente com bolas alçadas na grande área. Arthur e Éder Luís tiveram boas chances na área. Romário tentou de fora da área também. O Cruzeiro, em alguns momentos, praticamente abdicou de atacar e, no final, até faltou fôlego para a equipe aliviar a pressão cearense. Entretanto, a solidez defensiva se mostrou mais forte, e o Cruzeiro levou a terceira vitória seguida.

Globoesporte

Outras Notícias

Bolão Feminino: Taça de Prata tem abertura e início das competições nesta sexta, dia 17

A Secretaria Municipal de Educação e Esportes, através do Departamento Municipal de Esportes (DME), convida a comunid...

Dupla argentina marca e Chape vence o Corinthians

Na tarde deste domingo (12), o Corinthians enfrentou a Chapecoense em partida válida pela 18ª rodada do Campeonato Br...

Chape empata pelo Brasileirão de Aspirantes

Na noite desta quinta-feira (9), Chapecoense e Atlético Paranaense entraram em campo, na Arena da Baixada em Curitiba...

Gilson Kleina e Rui Costa não fazem mais parte da Chapecoense

Após o empate diante da equipe do Sport, no último domingo, a direção da Chapecoense em reunião na noite de hoje (06)...