Ministro Abraham Weintraub. Imagem: BBC

Trinta e um professores de Capinzal aderiram mobilização contra bloqueios na educação

Trinta e um professores de duas escolas da rede estadual de ensino de Capinzal aderiram a paralisação nacional nesta quarta-feira, dia 15. São 13 profissionais da Escola de Educação Básica Mater Dolorum e 18 da Escola de Educação Básica São Cristóvão. Alguns estarão participando de uma manifestação na cidade de Lages.

A mobilização integra a Greve Nacional da Educação e tem por bandeira “Contra o desmonte da aposentadoria, Contra os cortes nos investimentos na educação básica e superior”. O anunciou foi feito na semana passada pelo ministro da Educação Abraham Weintraub.

O jornalismo da Rádio Capinzal foi informado pela direção das duas escolas que apesar da adesão de alguns profissionais, as aulas estão mantidas, ou seja, não afetará o cronograma do ano letivo.

Conforme o portal G1, em março, foi publicado um decreto de programação orçamentária que estabelecia o contingenciamento de R$ 5,8 bilhões previstos para a educação. Em abril, o Ministério da Educação divulgou que todas as universidades e institutos federais teriam bloqueio de 30% na verba.

Rádio Capinzal

Outras Notícias

Piratubenses também investiram em empresa acusada de pirâmide financeira

As investigações que pairam sobre a empresa Indeal, que supostamente atuava no mercado de critpmoedas, mostram a exis...

Realizada 1ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa em Piratuba

A conferência, aconteceu nesta quinta-feira (23), no Centro de Convivência. O evento promovido pela Secretaria de Saú...

EQUIPE DA SAÚDE DÁ DETALHES SOBRE A 1ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DOS DIREITOS DA PESSOA IDOSA EM ENTREVISTA DE RÁDIO

Um bate-papo no início da manhã desta quinta-feira (23), evidenciou a realização da 1ª Conferência Municipal dos Dire...

Buraco provoca capotamento de veículo na SC-390 em Zortéa

Uma saída de pista foi registrada na tarde desta quarta-feira (22) na SC-390, no interior de Zortéa. O acidente acont...