Chapecoense é superada pelo Palmeiras

Na noite chuvosa deste domingo (02), a Chapecoense entrou em campo na Arena Condá para duelar contra o Palmeiras em partida válida pela 22ª do Campeonato Brasileiro. Mesmo com a necessidade de retomar o caminho das vitórias, a Chape viu o Palmeiras saindo na frente, com gol de Hyoran, aos 13 minutos, e com Borja - que anotou aos seis da etapa complementar. Melhor na partida no segundo tempo, a equipe de Chapecó esboçou a reação com gol de Rafael Thyere, aos 15, e pressionou o adversário até o minuto final, mas acabou sendo superada.

A partida:
Apesar do gramado pesado por conta da forte e constante chuva, a partida começou movimentada na Arena Condá, com o Palmeiras acertando a trave de Jandrei logo aos seis minutos. Na sequência, Felipe Melo mandou a bola na área e encontrou Hyoran, que marcou de cabeça o primeiro do time paulista. A fim de dar a resposta e encostar no marcador, Leandro Pereira aproveitou cobrança de escanteio e levou perigo ao gol de Weverton. Aos 35, foi a vez de Eduardo fazer jogada pela direita e finalizar com força.

O segundo tempo começou com a Chapecoense melhor e se lançando ao ataque, mas bastaram seis minutos para que o Palmeiras, com Borja, ampliasse a vantagem. Mesmo com a desvantagem, a Chape se reorganizou, conquistou supremacia na posse de bola e passou a controlar as ações do jogo e, aos 15 minutos, balançou as redes com Rafael Thyere. A pressão pelo empate continuou e, aos 36, Doffo aproveitou sobra de bola dentro da área e por muito pouco não igualou o marcador. Mesmo que mais incisiva, a Chape acabou superada pelo Palmeiras.

Após o término da partida, Jandrei lamentou os gols sofridos e destacou que a equipe precisa aprender com os erros. O arqueiro alviverde se desculpou com os torcedores e garantiu que o esforço pela volta por cima continua. “É difícil, mas a batalha continua e vamos seguir lutando até o fim. Pedir desculpa ao torcedor e falar que falta de empenho não foi, nunca vai ser. Nunca vai ser nosso desejo estar na zona de rebaixamento. Mas futebol é assim. Muitas vezes, a gente luta, luta, luta e o resultado não vem”, disse.

Próximo compromisso:

A Chapecoense volta a campo na próxima quarta-feira (05), em Curitiba, quando enfrenta o Paraná na Vila Capanema. A partida acontece às 21h.

Foto: Sirli Freitas/Chapecoense

Fonte: Associação Chapecoense de Futebol
A.M

Outras Notícias

Levir Culpi é demitido pelo Atlético-MG às vésperas de final diante do Cruzeiro

O técnico Levir Culpi não resistiu no cargo após a goleada do Atlético-MG para o Cerro Porteño, no Paraguai. Depois d...

Após adiamento, Cruzeiro enfrenta Deportivo Lara pela Libertadores

Após adiamentos, o Cruzeiro, enfim, fará a estreia como mandante nesta edição da Libertadores, nesta quarta-feira (27...

Morre Rafael Henzel, jornalista que sobreviveu à queda de avião da Chapecoense

O jornalista Rafael Henzel morreu na noite desta terça-feira (26), em Chapecó. Ele foi levado ao Hospital Regional de...

Das farpas entre capitães à revolta colorada: Gre-Nal ganha mais um capítulo polêmico

Gre-Nal sem polêmica não é Gre-Nal. Pode até parecer clichê, mas é o mais puro enredo. As provocações ocorridas desde...