Na foto: Soldado BM Trevisan

Bombeiro sem fronteiras: Criança afogada no RS é salva por Bombeiro Militar de SC

Uma família de Parobé (RS) passava o final de semana em um sítio no município de Caiçara (RS), distante 130Km de São Miguel do Oeste (SC), quando o pior aconteceu: um menino de 2,5 anos caiu no córrego que passa pelo local e se afogou. Desesperada, a mãe da criança ligou para o telefone de emergência 193, do Corpo de Bombeiros Militar.

Por ser região limítrofe entre os estados, a ligação acabou caindo na Central de Operações do Batalhão de São Miguel do Oeste, em Santa Catarina. Ao atender a ligação, o Soldado BM Mateus Trevisan repassou à mãe o procedimento de reanimação cardiopulmonar. Foi o que salvou a vida do menino. Uma demonstração de que a atuação dos Bombeiros ultrapassa até mesmo as fronteiras geográficas.

A criança foi retirada da água pelo avô. As orientações passadas por telefone pelo Soldado Trevisan, eram repetidas pela mãe e executadas por outro familiar. Depois de repetirem as massagens torácicas e os ciclos de ventilação por cerca de 10 minutos, a criança voltou a respirar. Enquanto isso, o Soldado BM Trevisan também buscava contato com o Bombeiro gaúcho mais próximo da ocorrência para que uma ambulância fosse encaminhada ao local para avaliação ou encaminhamento da criança ao hospital. Mas os próprios famialiares conduziram o menino ao atendimento médico. Segundo informações da mãe, o menino está ótimo. Ele recebeu medicamentos no hospital, mas foi liberado em seguida. O socorro aconteceu no último domingo (03/06).



O áudio do atendimento prestado chama atenção pela situação de desespero vivenciada pela família.
https://soundcloud.com/user-367845939-546429585/audio-atendimento-12bbm

Texto: Krislei Oechsler- Jornalista- CCS-CBMSC

Colaboração: Mônica Andrade- Estagiária- CCS-CBMSC

Fotos e informações: B5 do 12°BBM de São Miguel do Oeste
A.M

Outras Notícias

Indenização para mulher que sofreu alergia com mau cheiro e falta de asseio em ônibus

A 6ª Câmara Civil do TJ confirmou sentença que condenou empresa de transporte coletivo a indenizar por danos morais, ...

Justiça ampara direito de órgão de comunicação em retratar ato falho do cotidiano

A 5ª Câmara Civil do TJ reconheceu legalidade na atuação de empresa jornalística ao noticiar matéria ilustrada por fo...

Sargento é condenado por injúria e desacato a soldado

Um sargento da Polícia Militar foi condenado por crimes de injúria e desacato a militar por enviar mensagens a um sol...

Casal de juízes obtém nota máxima em curso de mestrado jurídico com dupla titulação

Os juízes Iolmar Alves Baltazar e Márcia Krischke Matzenbacher obtiveram nota máxima, com distinção e louvor, em suas...