Dados da pesquisa de endividamento e inadimplência do consumidor, da Fecomércio-SC, mostra que em dezembro 55,3% das famílias tinha contas a pagar

Catarinense fica em média 9,2 meses comprometido com dívidas

O catarinense fica, em média, 9,2 meses comprometido com dívidas. Os dados, referente a dezembro de 2018, são levantados pela Fecomércio-SC por meio da pesquisa de endividamento e inadimplência do consumidor (PEIC). O período é considerado alto e, conforme avaliação da federação, é possível concluir que as dívidas estão sendo estendidas com mais frequência, provavelmente por cautela da atividade econômica. Apesar disso, a mesma pesquisa mostra que os débitos vêm reduzindo.

Leia mais:

- 91% dos consumidores brasileiros não têm como pagar contas

Em dezembro de 2018, último dado disponível, o percentual de famílias endividadas (55,3%) ficou estável se comparado com novembro (55,3%). Em dezembro de 2017, por exemplo, eram 57,4% das famílias endividadas. Já o total de famílias que não terão condições de arcar com as contas está em 11% contra 12,8% em novembro. A inadimplência também teve queda de 19,0% em novembro para 18,1% em dezembro.

Conforme a Fecomércio-SC, é possível considerar que os níveis de inadimplência estão estáveis e não apresentam risco elevado. O tempo médio que o catarinense fica com contas em atraso é de 71,4 dias _ em novembro esse índice era de 71,9 dias. A inadimplência é preocupante acima dos 90 dias.
Em dezembro, o cartão de crédito foi responsável pela maioria das dívidas dos catarinenses (64%). A pesquisa ainda mostrou que 57,5% das famílias compromete de 11% a 50% da renda com contas a pagar. Conforme a Fecomércio-SC, calcula-se ainda que 19,8% das famílias não sabe quanto da renda compromete com dívidas.

Fonte: Diário Catarinense
A.M

Outras Notícias

Mega-Sena acumula de novo e prêmio vai a R$ 125 milhões

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2160 da Mega-Sena, sorteado na noite desta sábado (15) na cidade de São P...

10ª Avaliação Regional reconhece os melhores vinhos do Oeste de SC

Os vinhos do Oeste catarinense analisados na 10ª Avaliação Regional, no último fim de semana em Pinhalzinho, serão pr...

BRF e Marfrig negociam fusão

A BRF, dona das marcas Sadia e Perdigão, e a Marfrig anunciaram nesta quinta-feira (30) que iniciaram discussões para...

Deputados incluem mel na cesta básica

Foi aprovada nesta semana na Assembleia Legislativa a emenda do deputado estadual Altair Silva (Progressistas) ao pro...