​STJ cassa liminar suspendendo ação penal contra Romildo Titon

O ministro Ribeiro Dantas, do Superior Tribunal de Justiça, atendendo pedido do Ministério Público Estadual, cassou a liminar que ele assinou suspendendo a ação penal que tramita no Tribunal de Justiça de Santa Catarina sobre a Operação Fundo do Poço.

O requerimento de suspensão havia sido protocolado pelos advogados Cláudio Gastão da Rosa Filho e Silvia Santos Mansur, em nome do deputado estadual Romildo Titon, do MDB. Com a nova decisão ministerial a ação penal deverá ter tramitação normal no Judiciário Estadual.

O relator fundamenta o pedido sobre fatos novos levados pelo Ministério Público Estadual sobre o enquadramento do deputado Romildo Titon em foro privilegiado por prerrogativa de função.

A operação Fundo do Poço foi deflagrada em 2013 pelo Gaeco e resultou na época no afastamento do deputado Romildo Titon da presidência da Assembleia Legislativa.

O processo tem 20 mil páginas.

Fonte: NSC Total

Outras Notícias

Presidente da Amauc exalta número de testes realizados e o total de pacientes recuperados do novo coronavírus

O presidente da Amauc e prefeito de Ipira, Emerson Ari Reichedt vê com animação o índice de pacientes recuperados do ...

Saúde atende pacientes diabéticos e hipertensos

Nesta semana um grupo de cerca de 60 pacientes que residem na rua Boa Vista, rua Leoberto Leal e rua das Flores, regi...

Deputados derrubam veto do governador Moisés que impedia Badesc de financiar pequenas empresas e MEIs

Os deputados derrubaram, durante sessão realizada na quarta, 20, o veto do governador Carlos Moisés (PSL) que na prát...

Estado está entre os 10 mais transparentes sobre dados e compras relativas à Covid-19

Um levantamento realizado entre os portais de informações sobre o enfrentamento à Covid-19 no Brasil, promovido pela ...