Defesa Civil prepara relatório de danos provocados por temporais em Piratuba

Estruturas destelhada, forros arrancados, árvores caídas são alguns dos problemas provocados pelo temporal desta semana no município de Piratuba. Os dados ainda são computados pela equipe da Defesa Civil Municipal, um dos braços da Secretaria de Cidade, que funciona no prédio da Casa da Cidadania.

Na tarde desta quinta-feira (02), o coordenador do setor, Alcir José Subtil da Trindade (Betinho), se encontrou com o servidor Paulo Ricardo Kurt Schuch, que é o responsável pelo envio dos dados à Defesa Civil Estadual. Segundo Betinho, os prejuízos atingiram diversas propriedades ao longo de todo o município, provocando estragos principalmente em comunidades como Linha Planalto, Maratá, Uruguai, Zonalta, Linha São Paulo, Lageado Mariano, Linha Hachmann e São José, além de pontos isolados da cidade: “ Assim que percebemos os fortes ventos começamos a monitorar e logo em seguida surgiram os primeiros relatos, o que fez com que iniciássemos as operações”, afirma o coordenador local.

Um dos principais problemas enfrentados pelos agricultores é a falta de energia elétrica, que até o início da tarde desta quinta, ainda não havia sido solucionado em diversos pontos do município de Piratuba. O apagão que atingiu a maioria dos municípios da região, segundo a concessionária de energia do estado, foi provocado pela queda de mais de 100 postes em toda a ária de cobertura da Regional Celesc de Joaçaba.

Em um contato da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Piratuba, com a gerente regional da Celesc, Sílvia Hafner Pozzobom, o setor foi informado que a estatal está trabalhando 24 horas para resolver as inconsistências de rede e restabelecer a energia o mais breve possível, justificando ainda que a passagem da tempestade pelo estado, trouxe estragos em praticamente todos os municípios catarinenses.

A Prefeitura de Piratuba, segundo o secretário de Cidade, Joelson Medeiros, está atuando para amenizar os problemas ligados ao fenômeno climatológico e orienta para que os moradores locais, em especial os agricultores entrem em contato com o setor da Defesa Civil, para proceder o relato e buscar auxílio caso necessário, ou até mesmo para emissão de laudos para acesso à seguros, entre outros. O contato pode ser presencial em horário normal de funcionamento, na Casa da Cidadania ou por telefone, ligando para o número: (49) 3553 01 50.

Ernoy Mattiello

Outras Notícias

Piratuba tem primeiro traçado urbano pavimentado com concreto armado

Uma rua que integra os trajetos urbanos da região do Balneário, foi pavimentada na manhã desta segunda-feira (10), co...

PM de Joaçaba recebe nova viatura para rádio patrulhamento

A Polícia Militar recebeu oficialmente do governo de Santa Catarina, uma nova viatura, destinada para rádio patrulham...

Projeto de Saretta que cria o programa SC digital agora é lei

A Assembleia Legislativa derrubou o veto do Governo do Estado ao projeto de lei do deputado Neodi Saretta, que instit...

Aposta da Mega-Sena realizada em Piratuba acerta quatro números em aposta simples

Uma aposta, realizada em Piratuba, acertou quatro dos seis números no concurso 2287 do sábado, 08 de agosto, pela Meg...