PIB de Santa Catarina tem aumento de 3,8% em 2019 e alcança R$ 323,26 bilhões

Santa Catarina alcançou um Produto Interno Bruto (PIB) R$ 323,26 bilhões em 2019, o resultado é a soma de todos os bens e serviços produzidos no estado, sendo o sexto maior valor do país. A variação em volume foi de 3,8%, representando o terceiro maior crescimento entre todos os estados. Os dados são do Sistema de Contas Nacionais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgados nesta sexta-feira, 12.

O crescimento e a variação em volume ficaram ligeiramente acima das estimativas realizadas pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE), de 3,5% e R$ 318,2 bilhões.

“Somos um estado que supera as expectativas. Esse resultado só demonstra o comprometimento de todos os setores econômicos e desta gestão, que sempre apoiou aqueles que desejam crescer junto com Santa Catarina”, ressaltou o governador Carlos Moisés.

“Santa Catarina tem um crescimento três vezes acima da média nacional que foi de 1,2%. Um desenvolvimento puxado principalmente pela indústria e pelo comércio. Resultado de uma gestão focada no desenvolvimento sustentável e que incentiva o empreendedor que deseja gerar oportunidades no estado e de um setor produtivo que trabalha em conjunto”, destacou o secretário da SDE, Luciano Buligon.

O PIB brasileiro em 2019 ficou em R$ 7,4 trilhões. Sendo que o PIB per capita nacional foi estimado em R$ 35.161,7. Santa Catarina manteve o quarto maior PIB per capita, atrás de Distrito Federal, São Paulo e Rio de Janeiro.

Com isso, o estado ampliou sua participação na economia nacional de 4,3%, em 2018, para 4,4% e, manteve-se na sexta posição entre os maiores PIBs do país. De acordo com o economista da SDE, Paulo Zoldan, a participação catarinense era de 3,7% no início da série em 2002, explica.

“As atividades de destaque da economia catarinense em 2019 foram de Indústria da Transformação, Comércio, Atividades Profissionais e Alojamento e Alimentação”, destaca Zoldan.

Crescimento dos Setores

A Agropecuária representou 5,7% do valor adicionado bruto do Estado em 2019, (5,5% em 2018). A Indústria Catarinense representou 26,6% do valor adicionado em 2019, com variação de volume de 2%. Na Indústria de Transformação houve variação de volume de 1,84%, e a atividade manteve-se como aquela de maior participação em Santa Catarina, com 19,6%.

Contribuíram para o avanço em volume da Indústrias de Transformação, os segmentos de fabricação de Produtos Alimentícios e Abate de Suínos (demanda externa de carne suína e aumento de preços). Eletricidade e gás, água, esgoto, atividades de gestão de resíduos e descontaminação também cresceram, com variação de 3%. Já a Construção Civil cresceu 2,2%.

O setor de Serviços com 67,8% do valor adicionado, representou a maior atividade entre os setores, resultando em um volume positivo em sua variação igual a 4,3%. Em relação ao Comércio, Santa Catarina foi pelo terceiro ano consecutivo, um destaque no âmbito Nacional, em termos de expansão em volume, com o resultado do crescimento no comércio varejista 7,5%, nos segmentos de Material de Construção 12,6%, e Comércio de Veículos 5,1%. Já em Atividades imobiliárias, a variação em volume em 2019, que também foi um destaque no ano anterior, cresceu 1,6%.

Em 2019, Santa Catarina foi o estado com a maior participação dos impostos no PIB, seguido por Espírito Santo, Amazonas e São Paulo. Em 2018, a ordem era Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo. Os dados do PIB 2019 e de cada setor da economia catarinense, bem como as séries históricas, poderão ser acessados página da SDE.

Mônica Foltran

Outras Notícias

Copom define taxa básica de juros nesta semana

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) realiza nesta terça (7) e quarta-feira (8) a última reun...

Santa Catarina acumula 187.147 empregos formais no ano e mantém momento positivo

Santa Catarina tem um saldo positivo de 187.147 postos formais de trabalho em 2021 e chega a 200.882 no acumulado dos...

Sicredi amplia portfólio de investimentos por meio de parceria com gestoras de recursos

Com o objetivo de disponibilizar opções de investimentos diversificadas e aderentes ao cenário econômico atual e futu...

Unidade da Randon Implementos em Chapecó (SC) celebra 10 anos investindo em tecnologia e capacidade produtiva

Localizada em um dos principais polos agroindustriais do Sul do Brasil, a Randon Chapecó está completando em 2021 a p...