Iemenita quebrou sua própria marca anterior e está registrado no Livro dos Recordes

Homem empilha quatro ovos e quebra recorde que desafia a gravidade

Equilibrar ovos parece ser mais difícil do que se imagina. Recentemente, Mohammed Muqbel, do Iêmen, ganhou destaque na internet por desafiar a gravidade ao empilhar quatro ovos superando o recorde mundial, de acordo com o Guinness World Records. A marca anterior foi do próprio iemenita, quando equilibrou três ovos.

Embora seja um conceito simples, colocar um ovo em cima do outro é um grande desafio. O professor de física do Colégio Pensi, Diegon, explica que “a dificuldade está em manter o centro de massa do conjunto de ovos na mesma reta vertical que o primeiro ovo”.

A gravidade é uma aceleração que puxa os corpos para baixo, no caso do ovo, o equilíbrio fica instável por causa do seu formato externo. “Como a massa do ovo é heterogênea, a gravidade vai ocupar posições distintas em ovos distintos. Quando a ideia é acumular vários ovos, é necessário um centro de massa, o que não acontece quando se trata de um único ovo”, analisa.

Dessa forma, a dica do professor para quem quer tentar fazer a pilha, é agitar os ovos, pois assim, é gerada uma nova posição para o centro de massa que se torna igual para todos.

Fonte: Redação Globo Rural


Outras Notícias

Putin anuncia "operação especial" na Ucrânia

O presidente russo, Vladimir Putin (foto), acaba de anunciar uma “operação especial” em Donbas, no leste da Ucrânia. ...

Belarus apoia Rússia em ataque à Ucrânia

Imagens da CNN Internacional mostram tropas cruzando a fronteira de Belarus com a Ucrânia. Os vídeos confirmam relato...

Após ataque russo, Zelensky adota lei marcial, fala com Biden e diz que ucranianos vencerão

Pouco após começarem a surgir informações de uma ampla ação russa em diferentes áreas da Ucrânia, o presidente Volody...

Pedra preciosa que caiu do espaço é vendida por R$ 22,5 milhões

Um diamante negro que caiu do céu, direto do espaço, foi vendido em um leilão milionário por R$ 22,5 milhões. A pedra...