STJ nega pedido de habeas corpus e Marcelo Baldissera contunua preso preventivamente

O STJ – Superior Tribunal de Justiça – negou nesta semana o pedido de habeas corpus impetrado pela defesa do prefeito afastado de Ipira, Marcelo Baldissera. Ele continua preso preventivamente em decorrência da operação Fundraising.

A defesa de Marcelo pediu a revogação da prisão preventiva e liberdade provisória. Na decisão, do ministro Geraldo Og Nicéas Marques Fernandes, o magistrado enfatiza que Marcelo foi preso preventivamente pelos crimes de organização criminosa, responsabilidade dos agentes públicos por danos causados ao erário, fraude à licitação, fraude em licitação mediante fraude documental, contratação direta ilegal e frustração do caráter competitivo de licitação.

Marcelo está afastado do posto de prefeito, cargo que é cumprido temporariamente pelo seu vice, Clitor Knebel.

Outras Notícias

Julho Amarelo alerta para importância da testagem para diagnóstico precoce e tratamento adequado das hepatites virais

O Julho Amarelo iniciou e, com ele, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) alerta para a importância do diagnóstico pr...

Monitoramento da Defesa Civil aponta chuva volumosa e risco de alagamento no Alto Vale do Itajaí

A aproximação de uma nova frente fria deve trazer chuvas intensas para todas as regiões do estado a partir desta quin...

Conhecidos os ganhadores do terceiro sorteio da compra premiada

A Piratuba FM realizou nesta semana, o terceiro sorteio da compra premiada. A promoção, em parceria com o comércio de...

Saída de pista seguida de capotamento é registrada no interior de Piratuba

Uma saída de pista seguida de capotamento foi registrada na manhã desta segunda-feira, dia 08, por volta das 12h, pró...