Agência vê poucas chances de sobreviventes em Boeing que caiu na Indonésia

A Agência de Busca e Resgate da Indonésia informou, nesta segunda-feira, que são poucas as chances de encontrar algum dos 189 ocupantes de avião da Lion Air com vida. O aparelho da companhia caiu no mar a oeste do país.

O diretor de operações da agência, Bambang Suryo Aji reconheceu que as possibilidades eram remotas por conta das condições dos corpos já encontrados. "São muitas horas após o incidente e os restos mortais que encontramos não estavam intactos", lamentou.

Ele relatou que mais de 40 mergulhadores trabalham na área da queda. Um navio também utiliza um sonar para achar os destroços do Boeing 737. "A maior parte dos corpos deve estar dentro do avião", projetou.

A aeronave pediu para retornar ao aeroporto da capital indonésia pouco antes de perder contato com a torre de controle aéreo, às 6h30min (20h30min de Brasília, domingo). O avião seguia para Pangkal Pinang, uma cidade da ilha de Bangka, perto de Sumatra.

CP
A.M

Outras Notícias

Volkswagen encerra produção mundial do Fusca

A Volkswagen encerrou oficialmente a produção mundial do Fusca (agora chamado apenas de Beetle) nesta quarta-feira (1...

Meditação não acalma todo mundo, diz estudo

Um dos maiores estereótipos de se fazer coisas relaxantes — como meditação — pode causar desconforto em algumas pesso...

Sem alarde, mas seu cérebro está encolhendo

Embora evolução leve milhares, às vezes milhões de anos, algumas alterações nas espécies podem ser observadas em pouc...

Passa de 200 o número de mortos em ataques a bomba no Sri Lanka

O balanço de vítimas dos oito atentados cometidos no Sri Lanka neste domingo (21) contabiliza 207 mortos e 450 ferido...