TIM completa cobertura 4G em 100% dos municípios de Santa Catarina

A TIM conquista mais um marco nos investimentos em infraestrutura. Mesmo num cenário de desafios operacionais, em tempos de combate ao coronavírus, a companhia mantém o foco na entrega do plano de expansão e acaba de completar a cobertura de todos os 295 de Santa Catarina com a tecnologia de quarta geração - com a implementação da rede na cidade de Monte Castelo (SC). Líder na cobertura 4G no Brasil, a operadora está presente em 3.490 cidades, chegando a mais de 90% da população urbana do País, com destaque para a cobertura total dos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Espírito Santo e Paraná.

"Como líderes na cobertura do 4G no Brasil somos os primeiros a levar a tecnologia para 100% dos municípios de Santa Catarina, com um trabalho fortemente voltado para a qualidade de rede e para a eficiência operacional na entrega do acesso à internet móvel mais veloz. Isso reforça nosso compromisso, especialmente nesse momento pelo qual o País atravessa, garantindo a expansão da rede e a conectividade entre as pessoas. Somente no ano passado, o tráfego de dados na rede 4G da operadora ultrapassou 85% - alta de nove pontos percentuais em relação a 2018", comenta Leonardo Capdeville, CTIO da TIM Brasil.

TIM e o 4G no Brasil

Os investimentos da TIM na rede 4G viabilizaram o lançamento de serviços como o VoLTE (voz sobre a rede LTE), que está disponível em 3.448 cidades do Brasil, permitindo chamadas em alta definição; a ativação da rede de quarta geração na faixa de frequência de 700MHz, que já foi ativada em 2.522 municípios do País oferecendo maior penetração em ambientes indoor; além da cobertura de 3.300 cidades com a plataforma habilitadora de soluções de Internet das Coisas - o NB-IoT (Narrow Band IoT) -, no auxílio ao desenvolvimento de soluções inovadoras para cidades inteligentes. A TIM é a primeira operadora a ter cobertura nacional NB-IoT.

Por ser um padrão adotado mundialmente, o NB-IoT pode ampliar em mais de 40% a cobertura tradicional em relação ao uso de smartphones, além de consumir menos bateria, o que é fundamental para aplicações de IoT (Internet das Coisas). E essa é uma dar vertentes adotadas pela operadora em outro grande passo, o ConectarAGRO, que em 2019 - seu primeiro ano de existência - levou conectividade de banda larga 4G da TIM para 5,1 milhões de hectares de áreas rurais do Brasil, superando e meta inicial de 100 mil ha. A solução promovida pela iniciativa usa a faixa de 700 MHz, padrão global que permite a cobertura com melhor compromisso entre cobertura e capacidade.

Fornecida pela operadora, a plataforma de Internet das Coisas é destinada a conexão de dispositivos que exigem uma capacidade menor de transmissão de dados e com baixo consumo de energia, como sensores de solo ou clima. A tecnologia funciona na rede 4G da empresa, disponível em quase 3.500 municípios brasileiros.

TIM

Outras Notícias

Clientes TIM podem usar auxílio emergencial para pagamento de faturas e recarga

Operadora é a primeira a permitir pagamento de planos pós-pagos e controle com o cartão virtual da Caixa e beneficia ...

Ministro projeta mais de 20 milhões de contemplados pelo Auxílio Emergencial até o fim da semana

Mais de 20 milhões de pessoas devem terminar a semana com a primeira parcela do auxílio emergencial federal de pelo m...

Vacinação contra gripe para caminhoneiros e trabalhadores portuários começa na quinta-feira

Nesta quinta-feira (16), caminhoneiros e trabalhadores portuários de todo o Brasil entram como grupo prioritário na ...

Governo Federal inicia construção do primeiro hospital de campanha contra o coronavírus

O Governo Federal iniciou, nesta terça-feira (07), a construção do primeiro hospital de campanha da União, em Águas ...