BRF aumenta capacidade produtiva com 2.46bi em 2021

A BRF, uma das maiores companhias de alimentos do mundo, começou 2021 com o pé no acelerador. A empresa registrou R$ 2,462 bilhões em investimentos de capital no geral em 2020 – sendo que apenas para ampliar sua capacidade produtiva foram mais de R$ 300 milhões, 244% superior ao aporte realizado em 2019 (R$ 87 milhões). As cifras irão possibilitar um rápido crescimento da produção de itens de alto valor agregado, como pizzas, alimentos empanados, fatiados e embutidos, no Brasil e na Arábia Saudita, da ordem de 5% até o fim de 2021.

Os investimentos fazem parte do plano Visão 2030, anunciado em dezembro último para ampliar mercados, novos negócios, tecnologia e iniciativas de sustentabilidade, que pretende triplicar a receita da BRF na próxima década. Serão R$ 55 bilhões investidos de recursos próprios e o objetivo é chegar a R$ 100 bilhões em 2030. Outra mudança importante é aumentar a presença de mercado em produtos prontos, com mais valor agregado. Hoje, metade da receita vem desse segmento e o objetivo é chegar a 70%.

Considerando apenas o quarto trimestre de 2020, os investimentos foram da ordem de R$ 716 milhões, um aumento de 8% em relação ao 3T20, sendo R$ 270 milhões destinados para crescimento, eficiência e suporte (evolução de 107% no 4T20 ante 4T19 e 109% em 2020 ante 2019); e R$ 270 milhões para ativos biológicos. No acumulado do ano, os investimentos totalizaram R$ 2,462 bilhões, um aumento de 31% em relação ao ano anterior. Levando em conta só o terceiro trimestre, a empresa atingiu a média de 17,5% de aumento nas vendas de processados. Por isso, foram realizadas mudanças fundamentais para aprimorar processos industriais visando maior competitividade e atendendo a voz do consumidor.

Destaques

Entre as iniciativas, destacam-se investimentos na nova fábrica de Seropédica (RJ), com a criação de uma nova linha de produção de embutidos; aumento da capacidade em Uberlândia (MG); ampliação da produção de fatiados em Tatuí (SP); expansão fabril em Ponta Grossa (PR) e aumento da capacidade produtiva de Dourados em aproximadamente 7,5% em itens de proteína de frango, voltados para suprir principalmente o mercado halal, e a demanda de países como Japão e China.

Outro destaque é Damman, na Arábia Saudita, onde foram investidos mais de US$ 8,0 milhões para aquisição local de uma fábrica que produzirá produtos de valor agregado como peito de frango IQF Tenderizado e empanados de frango Sadia. Além disso, a BRF iniciou a implementação de um projeto de expansão de processamento da planta no país árabe, aumentando a capacidade de 3.600 ton/ano para 18.000 ton/ano, com investimento adicional estimado de US$ 7,2 milhões.

O segmento mercado halal é um dos mais importantes para a BRF, que conta com um amplo portfólio em sua linha de produtos de proteína de frango da marca Sadia, como cortes especiais e frango inteiro (in natura) com qualidade superior. Atualmente já são mais de 1,9 milhão de toneladas de alimentos exportados por ano. Além do Oriente Médio, nos últimos anos, a China passou a ser o maior mercado de exportação de proteína da BRF.

Além disso, há projetos para aumento de produção e incremento de mix valor agregado de itens in natura voltados aos mercados interno e externo nas unidades de Mineiros (GO), Nova Mutum e Buriti Alegre (GO), esta última em conexão com o Programa Indústria 4.0. “Avançamos em direção à modernização, com a implementação de tecnologias nas fábricas, logística e digitalização das granjas para contato com os integrados no manejo das aves e suínos. Os benefícios decorrentes dessa iniciativa são o aumento da eficiência fabril e a redução dos custos operacionais em todo o processo produtivo, permitindo um pronto abastecimento de forma cada vez mais eficaz e inteligente de acordo com a demanda crescente do mercado, reforçando a oferta de produtos de valor agregado”, reforça o vice-presidente de Operações e Suprimentos da BRF, Vinícius Barbosa.

Cláudio Thomas

Outras Notícias

Sadia ensina receitas práticas com refeições feitas a partir do frango orgânico

Sadia, marca de alimentos mais valiosa do Brasil e Top of Mind em 2020, destaca três diferentes receitas de pratos de...

Agricultor encontra 'tesouro enterrado' com dezenas de cédulas antigas em assentamento

Uma lata velha e enferrujada, mas cheia de dinheiro foi encontrada no assentamento Dom José Maria Pires, na zona rura...

Unidades da BRF de Lucas do Rio Verde e Lajeado recebem autorização para exportação de suínos e frangos

A BRF, uma das maiores companhias de alimentos do mundo, conquistou a habilitação para mais duas unidades produtivas ...

Brasil do desemprego recorde tem vagas em fábricas de caixões

A última Sexta-feira Santa foi a primeira vez que a fábrica de caixões de Antônio Marinho funcionou no feriado da Pás...