Titon participou de audiência no TJ-SC sobre o processo, em 2016 (Foto: Felipe Carneiro)

Justiça marca julgamento do deputado Titon e outros réus da operação Fundo do Poço

O órgão especial do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ-SC) julga no dia 6 de novembro o processo da operação Fundo do Poço, que envolve o deputado estadual Romildo Titon (MDB). Ele é um dos 37 réus de uma das ações. Outro processo que tramita no Judiciário foi desmembrado e tem mais acusados. Há também agentes públicos e empresários envolvidos nas investigações. A operação de 2013 apura supostos desvios de recursos públicos na perfuração de poços artesianos em SC.

Alegações

Participam do julgamento 25 desembargadores do TJ-SC. A relatora do processo é Soraya Nunes Lins. Procurado pela coluna, o advogado de Titon, Claudio Gastão da Rosa Filho, disse que espera a rejeição da denúncia, “uma vez que ela não encontra amparo nas provas que foram produzidas nos depoimentos colhidos durante o processo”. Em 2016, durante a audiência de instrução e julgamento, o parlamentar participou dos depoimentos.

NSC Total

Outras Notícias

PSL-SC perde Lucas Esmeraldino

O secretário de desenvolvimento econômico e ex-candidato ao senado, Lucas Esmeraldino, anunciou em rede social que é ...

Vice-Governadora condena suspensões de parlamentares do PSL-SC

A vice-governadora de Santa Catarina, Daniela Reineher, divulgou nota em rede social, repudiando o afastamento de qua...

Oposição indica Marcelo Baldissera, do PL, como pré-candidato a prefeito em Ipira

O jovem advogado Marcelo Baldissera, filiado ao PL, foi anunciado nesta semana como pré-candidato da oposição a prefe...

Encerra dia 06 de maio, o prazo para transferência, alistamento ou revisão de título eleitoral

Eleitores que precisam realizar a transferência de título ou revisão, ou aqueles que precisam se alistar junto ao TSE...